Posts marcados ‘rio de janeiro’

Projetos 2014

O Ministério da Cultura (MinC) anunciou os dois finalistas do Concurso Nacional de Arquitetura Arenas Culturais, que escolherá o melhor projeto para a construção de espaços coletivos de convivência para a Copa do Mundo de 2014. Os escritórios Chirochi Shimizu, de Santa Catarina, e Oficina de Arquitetos, do Rio de Janeiro, foram os dois escolhidos.

 

A proposta do governo é construir 12 espaços simultâneos de conteúdos culturais brasileiros, divididos em quatro focos: Brasil Diverso, Brasil Audiovisual, Brasil Criativo e Brasil das Artes. As Arenas Culturais irão receber mostras de gastronomia, design, dança, música, teatro e outros itens que oferecerão aos visitantes uma visão do conjunto do país. Cada um dos espaços será construído em uma das cidades-sede do Mundial.

O projeto de Chirochi Shimizu propõe a construção de um edifício com fachada composta por brises, que representam as ocas dos balaios indígenas. O verde, cor representativa do Brasil, segundo com os arquitetos, está presente nas paredes e na vegetação.

A Arena proposta no projeto de Santa Catarina será construída no centro de uma praça pública com diferentes níveis, para integrar os espaços internos e externos. Estes níveis se conectarão por degraus cobertos por grama.

Já o projeto da Oficina de Arquitetos prevê a construção de uma estrutura metálica com cobertura circular, fazendo referência ao formato da bola de futebol. O anel da cobertura será formado por hexágonos de LED controlados por um computador, transformando-a em um placar eletrônico.

Uma praça também fará a integração entre e arena e o público. De acordo com os arquitetos, as peças utilizadas na construção da estrutura poderão ser reutilizadas em creches e escolas da cidade sede.

O projeto vencedor será anunciado pelo MinC no próximo dia 10 de outubro, durante cerimônia realizada em Salvador, na Bahia. O primeiro colocado receberá um prêmio de R$ 25 mil e um contrato com o MinC no valor de R$ 315 mil para desenvolver os projetos executivos de arquitetura e engenharia. O segundo colocado receberá R$ 15 mil.

De acordo com o Ministério, dos quatro projetos apresentados ao júri, dois foram desclassificados por não atenderem ao edital do concurso. Assim, não será entregue o prêmio anunciado para o 3º colocado.

Chirochi Shimizu (SC)

 

 

 

Oficina de Arquitetos (RJ)

 

 

 

 

Anúncios

Parque Olímpico

Foram iniciadas na última sexta-feira (6) as obras do Parque Olímpico do Rio de Janeiro, que sediará as Olimpíadas de 2016. As instalações serão construídas na área do Autódromo de Jacarepaguá, que será desativado até o fim do ano.

A construção e manutenção do local pelo período de 15 anos são de responsabilidade do Consórcio Rio Mais, composto pelas construtoras Norberto Odebrecht, Andrade Gutierrez e Carvalho Hosken, vencedor da licitação feita pela prefeitura da cidade.

O Parque Olímpico ocupará 1.18 milhão de m² no bairro da Barra da Tijuca. No local, serão disputados 14 esportes olímpicos e nove paraolímpicos. A Parceria Público-Privada também prevê a construção de um hotel com 400 quartos, Centro Principal de Mídia e três pavilhões para o Centro Olímpico de Treinamento (COT).

A prefeitura do Rio de Janeiro ficou responsável pela construção do Parque Aquático, Centro de Tênis e Centro Internacional de Transmissão (IBC), entre outros. Estas obras serão realizadas com recursos do Governo Federal.

O projeto urbanístico é da empresa inglesa Aecom e também prevê a recuperação da lagoa localizada no entorno do terreno, acessibilidade, uso de tecnologia sustentável, paisagismo, iluminação e pavimentação de ruas.

O Parque Olímpico possuirá também um sistema de tratamento através de filtragem natural das águas de drenagem e, de acordo com a organização das Olimpíadas, as obras reaproveitarão 100% de seus resíduos.

Veja abaixo o vídeo do vencedor do concurso, Parque Olímpico da Barra da Tijuca:

Fonte: http://www.piniweb.com.br/

Nuvem de tags